sexta-feira, 3 de agosto de 2012

é amanhã!

Acho que nunca dei uma festa na vida. Ganhava festinhas de aniversário da família, claro, depois ganhei dos amigos. Mas eu nunca organizei eu mesmo uma festa. Como eu deixei de fazer aniversário depois de uma certa idade (e todo deveria parar também), resolvi fazer uma festa que homenageasse alguma coisa que eu gostasse. Até porque a etiqueta diz que não se deve dar festas em homenagem a si próprio. Vai daí que resolvi celebrar a novela Dancin' Days, que eu adoro e tem como elementos principais a noite, a música, a dança, a festa em que vale ser alguém como eu, como você.
Está dando muito trabalho e eu espero que tudo isso se traduza em alegria pra todo mundo amanhã. Para já ir esquentando os tamborins, pega aquela sua sandália, sua meia de lurex, aquela garrafa de Absolut imitando globo de espelho que todo mundo tem, e começa relembrando nosso mixtape Discothèque.

happy birthday, darlings

Duas leoninas que aniversariam hoje são Suzana Alves, a eterna Tiazinha, e Isabel Fillardis. E devemos comemorar porque as duas, cada uma à sua maneira, contribuíram para a cultura pop brasileira.
Isabel Fillardis apareceu com seu grupo Sublimes no Fantástico de 1993, cantando Boneca de Fogo, e eu achei aquilo incrível. Um clipe lindo dirigido pelo Andrucha, uma música antenada com o pop mundial da época (coisa rara de acontecer no pop brasileiro até hoje), a letra surrealista do Fausto Fawcett. Eu corri pra comprar o CD e ouvi muito. Várias outras faixas eram bem legais, uma pena que elas viraram mesmo one-hit wonder.
Tiazinha, já em seu sucesso absurdo do fim dos anos 90, nunca havia me interessado muito, e não é difícil entender por que, né? Mas daí, capitalizando em cima do sucesso e talvez querendo almejar um outro tipo de carreira, resolveu gravar um disco e chamou o Vinny (que estava bombando na época) pra produzir seu single de estreia. O disco em si era horrível e eu nem tive coragem de comprar, mas minha irmã me deu de presente de aniversário. Beijo, irmã. Mas o que importa mesmo é que Uh! Tiazinha! era pura diversão e eu me jogava na pista quando tocava. Era Gretchen 2000, sabe como? Hoje já dá pra olhar pra trás e lembrar com carinho. Então vem (vai, vem, vai, move your body, don't stop).
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...